Saiba por que o mundo é volátil, incerto, complexo e ambíguo

Saiba por que o mundo é volátil, incerto, complexo e ambíguo

Termo criado pelo exército americano para situações de guerra passou a ser usado no mundo dos negócios

 

Quando falamos “muvuca” certamente você pensa em um agrupamento de pessoas desordenadas envolvidas em uma bagunça. Mas, no mundo dos negócios, essa palavra tem outro significado. Em tempos de pandemia de coronavírus, o assunto voltou a fazer parte dos debates na área de gestão.

Antes de mais nada, na área da administração, o que é muvuca? A grafia correta é “Mu-VUCA” e trata-se de uma abreviação de várias palavras que são usadas há algum tempo pelo exército americano. Segundo o administrador Marcelo Elias, eles adotaram esse termo para explicar o mundo de hoje. “Eles dizem que o mundo é VUCA (em inglês) ou VICA (em português). E eles tem razão! O mundo muda em velocidade muito acelerada e com destino incerto, proporcionando várias respostas para uma mesma questão”, explica.

O mundo VUCA (Mu-VUCA) é, portanto, o acrônimo, em inglês de volatility (volatilidade), uncertainty (incerteza), complexity (complexidade) e ambiguity (ambiguidade). O exército passou o termo para lidar com diversas situações e contextos de guerra, principalmente, após os atentados terroristas de 2001.

Agora, o termo também está sendo empregado no meio empresarial quando o assunto é mudanças e desafios nos negócios. “É neste mundo VUCA que estamos vivendo. E, já que estamos inseridos nele, temos que nos reinventar e compreender para sobreviver dia após dia, enfrentando os diversos desafios.”, afirma Marcelo.

Para o vice-presidente do Conselho Federal de Administração (CFA) e presidente do Sebrae Tocantins, Rogério Ramos, o termo tem tudo a ver com a atual crise causada pela Covid-19. “Ninguém estava preparado para viver essa situação. As mudanças estão acontecendo em uma velocidade impressionante e essas transformações trazem um cenário ainda muito incerto”, diz.

Como lidar com todas essas mudanças? Rogério comenta que, quando há gestão de riscos, é possível prever e evitar ameaças. “Isso permite que o gestor atue, de forma rápida e eficaz, para diminuir o impacto que uma crise como essa  traz para o negócio”, conta o administrador, lembrando que, nesse momento, as empresas precisam sair do discurso e colocar conceitos da administração em prática, sempre com transparência e coerência.

Para não esquecer, anote aí

Volatilidade

O mundo é veloz. As mudanças acontecem de forma muito rápida. “Aquilo que ontem era de um jeito, amanhã já é de outro. E essa volatilidade faz com que o mundo empresarial seja bastante desafiador. Essa característica indica a magnitude das mudanças, que podem ser maiores e mais surpreendentes.”, explica Marcelo.

Incerteza

O mundo é cheio de incertezas. Marcelo comenta que, por isso, não é possível saber, ao certo, o que vai acontecer amanhã. Há alguns anos, seria um pouco mais fácil fazer previsões, ou seja, olhar para frente e identificar como seria a empresa no futuro. Hoje, é muito difícil fazer previsões, justamente por causa dessa incerteza. O futuro está difícil de ser previsto.

Complexidade

O mundo está complexo. Está cada vez mais difícil entender as diversas nuances que envolvem uma situação, desafio ou problema. Segundo Marcelo, não é possível afirmar que  existe apenas uma resposta correta. “Pelo contrário: há diversas possibilidades de respostas para as situações. Essa característica mostra que existem muitos fatores internos e externos que podem afetar o negócio e que, muitas vezes, estão fora do controle do gestor”, explica.

Ambiguidade

O mundo apresenta muitas possibilidades. São várias possíveis respostas a uma única questão, mas, nem todas costumam apresentar as melhores soluções. Para Marcelo, “não é mais isso ou aquilo”. Por isso, é sempre um desafio encontrar uma coerência nos acontecimentos em busca da melhor solução, o que pode gerar más interpretações e falsas respostas.

Para saber mais sobre o assunto, o administrador Marcelo Elias disponibilizou e-books gratuitos que tratam exclusivamente do mundo VUCA. Para acessar o conteúdo, entre no site https://marcelodeelias.com.br/

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ana Graciele Gonçalves

Assessoria de Comunicação CFA