Sifa: Regionais do RN e PI passam a aderir à ferramenta

Sifa: Regionais do RN e PI passam a aderir à ferramenta

O Sistema Integrado de Fiscalização e Autoatendimento (Sifa) foi lançado nos dias 13 e 14 de setembro nos Conselhos Regionais de Administração  do Piauí e Rio Grande do Norte, respectivamente. Ao todo, 13 Regionais já aderiram à ferramenta tecnológica.

Segundo o presidente do CRA Piauiense, Rodrigo Cavalcante, a ferramenta em pouco tempo de funcionamento no CRA já notificou uma empresa que atuava de forma ilegal no mercado de trabalho.

“A gente encontrou uma empresa que estava atuando como administradora de condomínios de forma ilegal, e pelo celular – por meio do Sifa, nosso fiscal conseguiu fazer o encaminhamento de fiscalização para aquela empresa”, contou o Rodrigo Cavalcante.

Para ele, com a chegada da plataforma que utiliza a inteligência Big Data – tanto a sociedade como o profissional de administração será beneficiado. “A sociedade vai ganhar com o Sifa, porque vai fortalecer o Conselho Regional que ao crescer consegue fiscalizar melhor o exercício da profissão e sua atuação para o mercado de trabalho. E, claro, o profissional de administração que terá resguardado e valorizado seu espaço”, ressaltou.

O CRA-PI também aproveitou a ocasião para comemorar 15 anos de atuação – única e exclusiva no estado com sede em Teresina.

Rio Grande do Norte

Para o líder do CRA-RN, Júlio Rezende, o Sistema Integrado de Fiscalização e Autoatendimento, será trará mais agilidade e eficiência aos profissionais de administração em 167 municípios, mais a capital Natalense.

“O Sifa vai dar um poder muito maior na atividade de fiscalização. Vamos poder chegar mais próximo a essas empresas que possuem atividades econômicas correlatas a administração, e isso é um marca importante da gestão atual do CFA”, afirmou.

Na ocasião, os trinta anos de atuação do Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Norte, e também os 53 anos de regulamentação da profissão no Brasil, foram comemorados em solenidade realizada na sede da Justiça Federal em Natal.

Sifa

O alcance prospectivo realizado pelo Sifa permite mais celeridade aos processos internos, impacto direto na empregabilidade dos profissionais e uma fiscalização mais eficiente.

“Nós estamos tendo cada vez mais harmonia de processos e procedimentos, homogeneidade de ação. Cada Regional que nós fazemos o lançamento serve de base para melhorias nos próximos que irão aderir à ferramenta.”, concluiu o presidente do CFA, Wagner Siqueira.

Assessoria de Comunicação CFA

 

 

Fechar Menu