Seis capitais sobem tarifas de transporte público na virada do ano

Reajustes em passagens comuns chegam a 25%. Empresas e prefeituras alegam que os custos subiram.

O DF tem uma das tarifas mais caras do país – R$ 5 em algumas linhas de ônibus e no metrô (Foto: Gabriel Jabur/GDF/Divulgação)

Entre o fim de 2016 e os primeiros dias de janeiro, seis capitais subiram as tarifas do transporte público: Belo Horizonte, Brasília, Campo Grande, Florianópolis, Salvador e Teresina. A mais cara delas é a de Brasília – R$ 5 em algumas linhas e no metrô. Na capital paulista, o aumento não foi nos bilhetes unitários, mas na integração entre ônibus e metrô/CPTM e nos bilhetes mensal e 24 horas, que tiveram alta de até 50%.

Mais de 30 cidades reajustaram as passagens. Em municípios da Grande São Paulo, por exemplo, a alta foi de quase 20%.

Alguns dos aumentos pelo país estão sendo questionados na Justiça. É o caso do Distrito Federal, onde a tarifa do metrô e de algumas linhas de ônibus passou de R$ 4 para R$ 5 – uma alta de 25%. O último reajuste tinha ocorrido em setembro de 2015. De lá até novembro de 2016, a inflação acumulou alta de 9,54%.

click aqui e leia a matéria na integra..

Deixe uma resposta

Fechar Menu