Na quarentena, apps ajudam a manter a produtividade a diminuir distâncias

Na quarentena, apps ajudam a manter a produtividade a diminuir distâncias

Conheça algumas ferramentas que estão em alta entre os profissionais durante o isolamento motivado pelo coronavírus

Para diminuir a disseminação do coronavírus, vários países adotaram medidas de contenção e isolamento social. Trabalhadores das áreas essenciais – saúde e segurança, por exemplo – estão dispensados de cumprirem a quarentena, mas os demais foram liberados e, quem pode, está fazendo home office.

As dicas para fazer o trabalho ser produtivo, em casa, estão aqui. Para facilitar a rotina, entram em cena os aplicativos. Além de agilizar a rotina profissional, eles estão diminuindo a distância entre as pessoas. Conheça alguns deles.

Zoom cloud meetings

Aplicativo usado para fazer reuniões de trabalho e é a opção número um das equipes que estão em home office. De acordo com dados do Sensor Tower, site que monitora o consumo nas lojas de aplicativos, ele tornou-se o líder na lista dos apps gratuitos mais baixados em todo mundo.

Google Classroom

Depois que o Ministério da Educação autorizou, em caráter excepcional, as escolas e faculdades a substituírem disciplinas presenciais, em andamento, por aulas a distância, cresceu a procura pelo Google Classroom. Ele é um recurso gratuito do Google Apps para a área de educação cujo objetivo é auxiliar professores, alunos e escolas com um espaço para a realização de aulas virtuais. Com ele, as turmas podem se comunicar e estudar a distância de forma mais organizada.

Trello

Quer organizar as demandas diárias com a equipe? O Trello é uma ótima opção. Ele é uma ferramenta colaborativa que ajuda a gerenciar as tarefas do dia a dia. O Trello permite fazer pequenas anotações, colocar em ordem as atividades e especificar prazos para entregas.

Strict Workflow

Um dos grandes desafios do home office é vencer o excesso de distrações. Para fugir da procrastinação, vale apostar no Strict Workflow. A sua principal função é bloquear sites que possam distraí-lo no trabalho. Você pode indicar os sites, mas a ferramenta também indica aqueles mais comuns. Outra função interessante desta ferramenta é que ela funciona como um método “pomodoro”. A cada 25 minutos trabalhados, ela libera 5 minutos para “folga”, liberando os sites que estavam bloqueados. Desta forma, é possível focar no trabalho e fazer pequenas pausas durante o expediente no home office.

Assessoria de Comunicação CFA