Webinar e Projeto de Profissionalização da Gestão Pública

Webinar e Projeto de Profissionalização da Gestão Pública

O Ano de 2020 foi um desafio para todo o Sistema CFA/CRAs. A pandemia do Covid-19 evidenciou a importância de uma gestão profissional, tanto na esfera pública quando na iniciativa privada, para o enfrentamento de uma crise econômica e social, de proporção mundial.  E, para encerrar esse ano atípico, o CRA-AM desenvolveu duas atividades direcionadas a responder alguns questionamentos e demandas provocadas pelas significativas mudanças na economia e nas relações sociais: o Webinar “O que o mercado profissional espera dos futuros profissionais de Administração?” e o projeto Profissionalização da Gestão Pública, confira os detalhes a seguir:

Webinar
“O que o mercado profissional espera dos futuros profissionais de Administração?” foi o tema do Webinar realizado pelo CRA-AM, no dia 17 de novembro, transmitido no Canal CRA-AM Play.

O evento contou com a participação dos profissionais de Administração José Jorge Júnior, Presidente da Eletros (Associação Nacional de Fabricantes de Produtos Eletroeletrônicos) e Andrea Lanza – coordenadora do Curso de Administração da Universidade do Estado do Amazonas, com a mediação do Presidente do CRA-AM Adm. Inácio Guedes.

O Adm. José Jorge Júnior fez uma contextualização sobre a atual cenário econômico, do Brasil e no mundo, destacando como a Pandemia do Covid-19, acelerou vários processos, forjando mudanças no mercado, nas pessoas e nas carreiras. Em sua análise, o administrador enfatizou que para atender esse mercado atual o futuro profissional precisará de habilidades como adaptabilidade e flexibilidade em seu comportamento: “O mercado está exigindo profissionais com cabeça hiperlink, isto é, aquele que não sabe todas as respostas, mas sabe o caminho para encontra-las. Tem a capacidade de congregar pontos de vistas diversos, compreender, analisar, avaliar e aí sugerir um caminho a seguir”.

Em seguida, a professora Andrea Lanza fez um breve resumo sobre o Ensino da Administração no País e no Amazonas, as habilidades e competências trabalhadas pelas novas diretrizes curriculares e o perfil do estudante das áreas de Administração. Ao final, os administradores participaram de um debate mediado pelo presidente Inácio Guedes, em que responderam aos questionamentos enviados via chat, que contou com a participação de profissionais e estudantes de várias partes do Brasil.

CRA-AM lança projeto para ampliar a Profissionalização da Gestão Pública nos Municípios do Amazonas

O CRA-AM lançou em novembro o Projeto “Gestão Municipal Profissional”, cuja finalidade é disponibilizar a ferramenta de gestão IGM – Índice de Governa Municipal para os futuros prefeitos dos municípios do Estado.

A primeira etapa do Projeto foi criação da página www.craam.org.br/igmamazonas, que apresenta uma análise resumida e atualizada dos principais indicadores do IGM, referentes aos 62 municípios do Estado do Amazonas. Em seguida, os presidentes dos partidos políticos do Amazonas receberam uma carta, apresentando a ferramenta e a página, com a solicitação para que divulgassem aos candidatos a prefeitos e vereadores lançados pelos seus respectivos partidos.


A segunda fase foi marcada pelo envio de correspondência eletrônica aos prefeitos eleitos, em que o CRA-AM disponibilizou as ferramentas de Gestão desenvolvidas pelo Sistema CFA/CRAs e se comprometeu em auxiliar os novos gestores a profissionalizar a Gestão Pública.

Para o Presidente do CRA-AM o Projeto é uma maneira do CRA-AM contribuir com o desenvolvimento do Estado: “Ao compartilhar as ferramentas de Gestão para nortear as ações dos prefeitos e vereadores de todo o Estado do Amazonas, o CRA-AM cumpre sua Missão Institucional de Promover a Ciência da Administração valorizando as competências profissionais, a sustentabilidade das organizações e o desenvolvimento do país.”

O Projeto será consolidado ao longo de 2021, em que o CRA-AM irá propor aos prefeitos dos municípios do Estado do Amazonas, um acordo de cooperação técnica entre Sistema CFA/CRAs e os municípios, envolvendo outros entes como Câmara Municipal, Associação de Municípios, Universidades, dentre outas, para a implementação das ferramentas IGM e GESAE.

Fonte: CRA-AM