“É preciso inovar e fazer mais com menos”, avisa Renata Vilhena durante o Fogesp

“É preciso inovar e fazer mais com menos”, avisa Renata Vilhena durante o Fogesp

A professora da Fundação Dom Cabral, Renata Vilhena, encerrou a programação do segundo dia do Fórum CFA de Gestão Pública. No evento, ela apresentou a palestra “80 anos de reformas: mudança não se faz por decreto”. A palestra foi mediada pelo vice-presidente do CRA-ES, Manoel Carlos Rocha Lima.

Ela começou falando dos modelos de reforma na administração pública. A reforma burocrática surge em resposta ao patrimonialismo. “Foi feito um conjunto de ações para buscar a excelência em gestão”, disse. Entretanto, esse modelo tornou a máquina morosa e lenta. Daí nasce a reforma gerencial, que adotou modelos gerenciais que já eram usados na gestão privada, buscando descentralização e flexibilização.

Na sequência, em resposta à crise de legitimidade, surge a reforma da governança. “Daí que surge a gestão em rede, com a participação da sociedade”, enumera Renata. A professora explica que, para gerar valor público para os governos, é preciso produzir bons resultados, satisfazer o cliente – a sociedade, o cidadão – e tratá-lo com prioridade e respeito.

A palestrante apresentou, ainda, caminhos para inovar na gestão pública. Um deles é criar um ambiente de cultura da inovação. “Esse ambiente, que favorece isso, é fundamental”, afirmou. Mas onde é possível inovar? Ela sugere várias áreas como a tecnológica, da comunicação e em políticas públicas. “A tecnologia permite uma participação maior, ultrapassando aquelas criadas por conselhos e órgãos deliberativos. Mas é preciso envolver, ainda, o cidadão”, comentou.

E o futuro? Ela explica que é preciso preparar as pessoas para criar esse valor público. “Os servidores precisam estar preparados para os novos tempos”, avisou Renata. Por fim, a palestrante avisa que, para alcançar os resultados, é preciso saber o que a sociedade quer. “É preciso inovar e fazer mais com menos”, defendeu a professora.

Com o tema “Estratégias transformadoras nas relações entre sociedade e o Estado”, o Fórum reúne especialistas renomados para discutir temas ligados à gestão pública. O evento vai até 8 de junho e as inscrições estão esgotadas. Acompanhe o evento na íntegra pelo CFAPlay. Todo o Fórum é transmitido, ao vivo, por meio da TV e do Facebook do CFA. Confira em www.cfaplay.org.br e www.facebook.com/cfaadm. Use a hashtag #Fogesp2018 nas redes sociais e faça parte deste evento.

Assessoria de Comunicação CFA

Fechar Menu