CRA-ES promove palestra para discutir sororidade

CRA-ES promove palestra para discutir sororidade

Mulheres de destaque, em diferentes segmentos, participaram de um bate-papo sobre a sororidade durante a terceira edição do Elas nas Profissões. O encontro foi realizado pelo Fórum Capixaba de Conselhos, em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, e contou com a representação do Conselho Regional de Administração do Espírito Santo (CRA-ES).

A palavra de boas-vindas do evento foi conduzida pela vice-presidente de Desenvolvimento Profissional do Conselho Regional de Contabilidade do Espírito Santo (CRC-ES), Carla Cristina Tasso. Ela destacou como a dedicação feminina tem sido um ponto positivo em conquistas desejadas.

Depois, a presidente do Conselho Regional de Fisioterapia Terapia Ocupacional (Crefito), Eunice da Encarnação Garcia da Silva e Sousa foi a responsável pela abertura oficial do encontro. Em suas palavras, “É desse fortalecimento, do exercício da sororidade que nos transformamos e transformamos o ambiente onde estamos”, disse.

Em seguida, as painelistas do evento foram convidadas a subir ao palco. São elas: a engenheira, professora e empresária Flávia Giacomin Pimentel Almeida; a técnica em Contabilidade e produtora de café Joseane de Souza Lima Bissoli e a fundadora do Instituto Nação de Valor, empresária e escritora, Katiane Vieira. Como mediadora, a jornalista convidada, Gabriela Martins.

Em suas falas, destacaram a importância da mulher identificar as barreiras que as levam a não praticar sororidade, isto é, o apoio mútuo. “E é importante não julgarmos as mulheres que estão a nossa volta, mas conhecer e procurar ter empatia com a realidade da outra. Valorize suas amigas, seja positiva e influencie para o bem”, completou Katiane Vieira.

Além disso, Flávia Giacomin destacou a inclusão como forma de fazer o bem entre as mulheres. Segundo ela, respeitar o tempo de aprendizagem da outra e ser solidária nesse caminho de construção é uma forma de fazer a diferença no mundo.

Joseane Bissoli não deixou de pontuar o valor da união como uma prática efetiva da sororidade. Para ela, que atua numa área associada com a predominância masculina, o campo, fez e faz a diferença reunir mulheres em prol de um objetivo comum para conquistar uma trajetória de crescimento e assim alcançar patamares desejados.

Coordenadora do Instituto de Administração do Espírito Santo (IAES), Marly Uliana esteve presente no evento. Para ela, a oportunidade é muito rica e vem somar aos esforços de todas as mulheres que buscam ampliar a participação feminina no mercado de trabalho. “Que cada vez tenhamos mais iniciativas como essas”, disse.

Fonte: CRA-ES

Fechar Menu