CRA-ES celebra 54 anos da Administração

CRA-ES celebra 54 anos da Administração

Desafios no mundo dos negócios foi tema de palestra com Alessandro Saade

“Não é sobre tecnologia, é sobre atitude!” A fala é de Alessandro Saade, capixaba que atualmente vive em São Paulo e possui mais de 30 anos de experiência atuando como empreendedor, consultor, professor e mentor para grandes empresas e startups brasileiras. Conhecido como o papa do empreendedorismo, ele ministrou na quinta-feira (12), no Itamaraty Hall, a palestra “Os novos desafios do Profissional da Administração: conduzindo a transformação do mundo dos negócios”, promovida pelo Conselho Regional de Administração do Espírito Santo (CRA-ES) em comemoração ao Dia do Profissional da Administração.

Os 54 anos da profissão além de ser uma data para celebrar é também um momento de reflexão para profissionais e estudantes, segundo o presidente do CRA-ES Adm. Maurílio José Martins Inês. “A profissão que nasceu na época da revolução industrial tem passado por constantes transformações e agora se prepara para um novo ambiente de negócios, uma nova cultura de empreendedorismo, que exige atitudes inovativas e competências pouco exploradas, até então. Assuntos como revolução 4.0, internet das coisas, startup e transformação digital já fazem parte desse novo cenário e é necessário estarmos atentos e nos anteciparmos a essas mudanças”, disse.

Em sua palestra, o papa do empreendedorismo destacou que a instabilidade – emocional e de mercado -, a tecnologia embarcada, a expectativa de vida, as novas profissões e a predominância feminina são supertendências que vão nortear o mercado. Além disso, cada vez mais as habilidades cognitivas serão ressaltadas nesse novo cenário econômico mundial, pondera Saade. “Não basta orientar, é preciso ter bom senso e tato para a tomada de decisão. Não basta se relacionar com os outros, é preciso ter empatia com os outros”, pondera.

Em outro momento, o palestrante pontuou sobre a forma como as empresas estruturam seu negócio de maneira errada.  “Durante a vida, as pessoas aprenderam errado a organizar o negócio. Aprenderam que a produção é com foco em produzir menos variedade e mais em quantidade; que a qualidade resulta em produzir de forma mais lenta; que o financeiro deve ter foco apenas em receber à vista dos clientes e o comercial em produzir portfólio infinito com pagamento parcelado”, destaca o palestrante.

Em outras palavras, Alessandro Saade explica que é cada vez mais necessário criar a proximidade com o cliente e se colocar na posição de atendimento. “Assim você vai antecipar as profissões que estão por vir. Neste novo momento, de novas competências, de profissões que estão por vir, da atitude empreendedora, o marketing surge com a proposta de atrair e engajar clientes e colaboradores”, finaliza.

O evento

A jornalista Elisa Ventura, que veio direto de Brasília, do Conselho Federal de Administração (CFA), atuou como mediadora no evento. Prestigiaram a palestra de Alessandro Saade, o Conselheiro Federal CRA-ES, o Adm Hércules Falcão; o Conselheiro Federal suplente, o Adm Manoel Carlos da Rocha Lima; Conselheiro Adm. Luciano Forrechi; Conselheiro Adm. Flávio Celso Santo Rosa; Coordenadora do Instituto de Administração do Espírito Santo (IAES), Adm. Marly Uliana; Representante Institucional Adm Monielle Rudio; e a vice-presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos do Espírito Santo (ABRH-ES) e coordenadora da Câmara de RH do CRA-ES, a Adm. Neidy Christo. dentre outras autoridades.

Fonte: CRA-ES

Fechar Menu