Congresso Mundial é realizado no Brasil pela primeira vez

Congresso Mundial é realizado no Brasil pela primeira vez

O Conselho Federal de Administração (CFA), representado pela diretora da Câmara de Estudos e Projetos Estratégicos (CEPE), Gracita Barbosa, foi convidado para a cerimônia de apresentação do XXV Congresso Mundial da União Internacional de Organizações de Pesquisa Florestal – IUFRO. O evento foi realizado nesta terça-feira, 6, no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

 A ministra da pasta, Tereza Cristina, fez a abertura e afirmou que “esse congresso deverá interessar grandes oportunidades que temos no setor, seja no Brasil ou no mundo. Hoje nós fazemos o lançamento mostrando que o Ministério da Agricultura, agora à frente desse setor tão importante, vai mostrar para todo o Brasil e para todo o  mundo o potencial inexplorado que nós temos na mão e o que nós podemos fazer com ele de forma sustentável, responsável, com governança, mas fazer com que esse setor possa progredir e trazer progresso, trazer riqueza para os brasileiros”.  

 Para a diretora da CEPE, o congresso terá um papel fundamental no esclarecimento dos dados relativos ao setor. “A população tem uma ideia totalmente diferenciada do que é preservação ambiental”, disse.

 Gracita acredita que o convite do ministério para que o CFA participasse do lançamento foi emblemático porque o agronegócio é um campo em franco crescimento para a atuação do profissional de administração. “Como foi um lançamento de um congresso florestal, nada mais pertinente para nós administradores da área rural que participássemos e que tenhamos consciência para defender o nosso país junto à opinião internacional porque nós preservamos, sim, os nossos recursos.”  

 Entre as autoridades presentes, estavam o senador Luis Carlos Heinze, do Rio Grande do Sul, e o diretor-geral do Serviço Florestal Brasileiro, Valdir Colatto.

O Congresso

Essa é a primeira vez que um congresso mundial da International Union of Forest Research Organizations (IUFRO) é realizado na América Latina. A cidade escolhida, foi a capital do Paraná, Curitiba. Grande oportunidade para troca de experiências e conhecimento em inovações tecnológicas no âmbito da pesquisa florestal e agroflorestal, o congresso vai reunir pesquisadores, professores, estudantes e profissionais do mundo inteiro. A expectativa é de que três mil participantes lotem o   evento entre os dias 29 de setembro e 5 de outubro.

 Assessoria de Comunicação CFA 

Fechar Menu