Acordo visa levar conteúdo qualificado a mais municípios

Acordo visa levar conteúdo qualificado a mais municípios

A experiência mostra que quanto mais avançado um país, mais especializada é a sua gestão pública. Para somar forças aos trabalhos que o Conselho Federal de Administração (CFA) já vem desenvolvendo, a autarquia iniciou uma conversa com o Instituto Legislativo Brasileiro, Interlegis.

O objetivo é firmar um Acordo de Cooperação Técnica para a produção de conteúdo online, por meio da gravação de oficinas, oferecidas pelo Instituto em diversos temas afins da Administração Pública, aproveitando os conhecimentos de ambas as casas. No ano passado, esses treinamentos capacitaram mais de 3,7 mil servidores legislativos e agentes políticos.

O diretor executivo do Interlegis, Márcio Coimbra, lembrou que o Interlegis é referência na modernização do Legislativo e na disseminação de conhecimento. “É natural que, neste cenário de agilidade no envio de informações com tecnologias cada vez mais avançadas, possamos oferecer às Casas Legislativas a facilidade da realização das oficinas à distância. É uma satisfação contar com a parceria do Conselho Federal de Administração neste projeto que vai beneficiar um número cada vez maior de câmaras municipais espalhadas pelo Brasil”, afirmou.

Desde 2017 o CFA trabalha com o Índice de Governança Municipal (IGM), ferramenta desenvolvida com objetivo de promover o debate sobre a importância da gestão para a promoção do desenvolvimento municipal. Durante a entrevista, o coordenador da CGP, Rodrigo Neves, apresentou a ferramenta. O IGM-CFA inovou ao contemplar uma visão mais abrangente sobre o desempenho municipal envolvendo as dimensões fiscal, de gestão e de desempenho.

Para o diretor da CDI, Diego da Costa, a sinergia é o caminho. “Trabalhar de forma conjunta com instituições sérias, como o Interlegis, enriquece a discussão. A meta é contribuir de maneira efetiva com a capacitação da Administração Pública no Brasil”, disse.  

O encontro foi realizado nesta quarta-feira, na sede do CFA, em Brasília, e reuniu ainda o chefe do Serviço de Cursos de Pós-Graduação – SEPOS, David Varchavsky, a coordenadora da CDI, Renata Costa e a jornalista do CFA, Elisa Ventura.

Assessoria de Comunicação CFA