CFA atua em defesa dos administradores aprovados em concursos públicos

CFA atua em defesa dos administradores aprovados em concursos públicos

O Conselho Federal de Administração (CFA) enviou hoje um ofício ao ministro da Saúde, Gilberto Magalhães Occhi, solicitando a determinação de nomeação dos administradores concursados a cargos públicos.

“O Conselho Federal de Administração está acompanhando o processo judicial nº. 0030295-94.2013.4.02.5101, em curso na 3ª Vara Federal do Rio de Janeiro onde a União Federal já foi efetivamente condenada e ora em fase de execução, e vem sendo cobrado a imediata implementação das medidas determinadas pelo M.M. Juízo no processo, no que tange a imediata contratação dos 807 (oitocentos e sete) candidatos aprovados e classificados nos certames dos editais 50/2009 e 56/2009, especialmente dos 56 Administradores cuja aprovação foi feita nos certames mencionados”, diz o documento.

A autarquia também cobrará, oficial e publicamente, o cumprimento das ordens judiciais já determinadas e enviou outro ofício, também nesta terça-feira, ao juiz da 3ª Vara Federal da Seção Judiciária do Rio de Janeiro, Fábio Tenenblat. Nele, o CFA se coloca à disposição na condição de “amicus curiae” para fiscalizar e cobrar a imediata implementação das medidas já determinadas pela Justiça no referido processo.

Como órgão responsável pela fiscalização da profissão, o objetivo do CFA é defender os interesses dos profissionais de administração aprovados nesses concursos públicos conferindo imediata posse aos aprovados.

Assessoria de Comunicação CFA

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Fechar Menu