Sessão solene em Fortaleza homenageia ADMs

Sessão solene em Fortaleza homenageia ADMs

Na noite desta segunda-feira (23/9), a Câmara Municipal de Fortaleza realizou uma sessão solene em comemoração aos 54 anos de criação da profissão de Administrador.

Foram homenageados, durante a sessão, profissionais que contribuíram para a Administração: Alexandre Magno Barros; Eliane Helena Façanha Braga; Josimar Sousa Maciel; José Albuquerque Costa; Luíza Cristina de Alencar Rodrigues; Maria de Fátima Borges Duarte; Tereza Madalena Cirino Matos; Aline Telles Chaves; Pedro José Castelo.

Também foram homenageados postumamente dois profissionais: João Marinho de Andrade Neto e Nilse Maria Freire Batista Vieira. A sessão solene prestigiou ainda as três entidades representativas dos administradores: Conselho Regional de Administração do Ceará, Academia Cearense de Administração e Associação dos Administradores do Estado do Ceará, representadas, respectivamente, pelos presidentes: administradores Leonardo Macedo, João Melo e Josué Barreto.

A homenagem foi uma atenção da Casa, que contou com apoio de todos os vereadores, ao requerimento do vereador Ésio Feitosa, que em seu discurso destacou as ações importantes dos administradores ao longo da história e ressaltou seu reconhecimento à atividades nos cenários públicos e privados.

Ésio afirmou ainda que, no ano que vem, vai repetir a homenagem porque a classe é fundamental para o desenvolvimento do estado e do país.

Em nome dos administradores homenageados, falou Madalena Matos, que destacou a atuação do Conselho, principalmente por atuação do CRA Mulher, que tem mostrado o impacto da profissão por meio da contribuição feminina.

Já Leonardo Macedo, durante a sessão solene, recebeu o Título de Cidadão Fortalezense, como reconhecimento de sua atuação à frente da categoria e a contribuição que o administrador tem feito desde que decidiu se mudar de Brejo Santo para a Capital cearense.

“Hoje sou tanto de Fortaleza quanto do meu amado Cariri”, ressaltou Leonardo Macedo, em seu discurso.

O presidente do CRA-CE também apresentou os avanços que o conselho tem feito nos últimos anos, inclusive com a entrega de dezenas de profissionais especialistas por meio da pós-graduação patrocinada pela entidade. “Nossa contribuição à sociedade, em entregar 100 administradores especializados em gestão pública”, lembra.

Leonardo Macedo também lamentou a PEC 108, que vem a tentar destruir o que os conselhos de classe construíram em 80 anos. “A normatização da profissão, o incentivo ao estudo, a defesa da sociedade por inibir os maus profissionais, podem estar em risco com a PEC 108”, alerta.

Fonte: CRA-CE / Rodrigo G. de Almeida

Fechar Menu