Aulas on-line mudam rotina de alunos e professores de cursos presenciais

Aulas on-line mudam rotina de alunos e professores de cursos presenciais

A pandemia da Covid-19 alterou a vida de todo o mundo. Na área educacional, os desafios são inúmeros, mas as instituições de ensino foram rápidas em achar uma alternativa para o isolamento social de alunos e professores. Contudo existem muitas perguntas que ainda precisam  ser respondidas. Pensando nisso, o Conselho Federal de Administração (CFA) convidou a diretora de Formação Profissional da autarquia, Cláudia Stadtlober, para participar da live “O ensino da Administração em época do novo coronavírus”.

Ela conversou com o jornalista Paulo Melo na tarde desta quinta-feira, 9. Para ela, o curso de administração está preparado para o ensino a distância. Contudo, foi preciso superar dois desafios. O primeiro foi readequar o aluno do presencial e passá-lo para o sistema on-line. E o segundo foi ajudar aqueles professores que sempre preferiram a sala de aula e apresentá-lo um outro modelo de educação.

“Tem sido um super desafio para estudantes e professores. Precisamos, mais do que nunca, exercitar a empatia e a resiliência”, disse a conselheira do CFA. Ela, que também é professora universitária, comentou que precisou adaptar aulas, que já estavam prontas, e readequar para o ambiente on-line. “De uma hora pra outra, a gente teve que se desafiar para isso. Tivemos que pensar em novos métodos e foi preciso aprender a usar as ferramentas tecnológicas para suprir o distanciamento social, que é transitório, mas necessário nesse momento”, explicou.

Durante a live, Cláudia respondeu muitas perguntas. Umas delas foi sobre a preocupação com os trabalhos de conclusão de curso nesse período. Segundo ela, nesse momento a principal dificuldade a conexão do aluno com os locais para coletar dados para pesquisa, já que a maioria das empresas e organizações estão fechadas. “As instituições terão que repensar prazos”, comentou, sugerindo que todos aproveitem o isolamento para fazer leituras.

E como fica a prática no ensino on-line? Cláudia afirmou que é possível manter a prática e a teoria juntas no ensino a distância. “O mundo inteiro se digitalizou da noite para o dia. É possível dar consultorias on-line”, ressaltou. Ela lembrou, ainda, que essa é a oportunidade para ajudar empresas que estão em dificuldade em meio a pandemia. “A nossa contribuição como administradores é sempre gigantesca, mas vai ser maior, pois temos que apoiar essas empresas, para ajudar essas organizações a usarem as ferramentas da administração”, defendeu.

Para superar essa fase, ela comentou que os administradores precisam desenvolver  a resiliência e a empatia “em alto grau” e, além disso, “é fundamental conhecer todas técnicas da área da administração”. Por fim, Cláudia comentou que o momento é único e oferece muitos desafios. “Mas ser generoso conosco mesmo. Não se cobre tanto, vamos tentar fazer o melhor. Vamos acertar, mas também vamos errar. E se errar, tentamos fazer de novo. É preciso resiliência. Logo vamos superar e daqui a pouco estaremos lá na nossa turma, discutindo casos, vendo aulas, todo mundo junto”, sugeriu a professora e diretora do CFA.

Ana Graciele Gonçalves

Assessoria de Comunicação CFA