A pauta que não passará

A pauta que não passará

 Sustentabilidade é um assunto que já há um bom tempo está em alta nos radares das empresas, de consumidores e da sociedade como um todo. A preocupação é legítima, visto que a ação humana já causou prejuízos imensuráveis à natureza. Mas o conceito vai muito além de práticas voltadas ao meio ambiente. Por isso, a nossa equipe visitou a Korin e o Banco do Brasil para entender como funciona uma gestão com esse viés.

 Segundo a legislação vigente no Brasil – Lei da Política Nacional do Meio Ambiente-, todos os impactos causados por uma empresa precisam ser amainados, pois geram um custo indireto sobre a saúde, meio ambiente e sociedade. Para ser considerada, realmente, sustentável, a empresa precisa desenvolver ações voltadas ao âmbito social, ambiental e econômico, como explica o especialista consultado.   

 Na reportagem do CFAPlay, você vai conferir que tanto a Korin, quanto o Banco do Brasil, apesar de segmentos completamente diferentes, caminham na mesma estrada e na mesma direção: trabalhar para aliar lucratividade, menos impacto possível e uma entrega de, não só produtos, mas produtos com propósitos aos consumidores que estão cada vez mais exigentes e conscientes.

 O Banco do Brasil foi considerado, em 2019, a instituição financeira mais sustentável do mundo e a Korin não para de crescer e investiu, recentemente, em uma grande fábrica de rações com produtos livre de transgênicos. 

Como é possível conciliar os objetivos? Você confere em CFAPlay.

 Assessoria de comunicação CFA

Fechar Menu